Diário de Dor

diario

Um diário de dor é um instrumento que ajuda bastante no tratamento dos pacientes. Principalmente porque é difícil se recordar com precisão os dias de dor nos últimos meses e sua intensidade. E como, em tratamento de dor, melhoras parciais contam bastante, muitas vezes o paciente não consegue diferencias se teve 9 ou 15 dias de dor no mês. Para o médico esta diferença é muito importante. Por exemplo, uma medicação que consegue uma melhora de 30% já tem um benefício significativo e merece ser continuada. Por outro lado, como já disse anteriormente, os paciente têm uma expectativa da melhora de 100%, o que muitas vezes não ocorre, ou pelo menos, não ocorre num primeiro instante. O diário ajuda a reconhcer pequenas melhoras como uma vitória.

Este diário acima foi criado pela International Headache Society e publicado na revista Headache. É o meu diário preferido, por sua simplicidade e clareza. De toda forma, ainda que o paciente traga uma anotação de próprio punho sobre a frequência e intensidade de dor nos últimos meses, já será benéfico. Hoje em dia, existem até alguns aplicativos para Iphone sobre diários de dor. Portanto, na próxima vez que for ao seu médico de dor, não se esqueça de levar estes dados anotados. Podem ser de grande utilidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *