Dor Neuropática

Conforme definição do NeuPSIG (Grupo de interesse especial em dor neuropática da IASP), dor neuropática corresponde à dor causada como consequência direta de lesão ou doença afetando o sistema neurosensorial.  É também uma das principais condições dolorosas crônicas, envolvendo vários tipos de doenças tais como radiculopatia secundária a doença degenerativa da coluna vertebral, neuropatias secundárias a lesões infecciosas (exemplo: herpes zoster), neuropatias secundárias a doenças metabólicas (exemplo: diabetes melitus), neuropatias secundárias a doenças imunes (exemplo: lúpus), neuropatias idiopáticas (como alguns casos de neuralgia do trigêmio) e causas traumáticas e iatrogênicas (exemplo: dor fantasma em membro amputado). Os sintomas deste tipo de dor são geralmente diferentes das dores chamadas nociceptivas. Enquanto um dor osteomuscular manifesta-se por pressão ou latejante, nas dores neuropáticas são frequentes sintomas tais como choques, picadas, queimação, formigamento, prurido. Isto se deve a um processo irritativo do próprio nervo. Um bom exemplo seria o de uma clássica “dor de dente”, que também é um tipo de dor neuropática, por acometer terminações nervosas da polpa dentária.  

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *